clt

Como receber o PIS/Pasep – Dicas para trabalhadores do e-social

Para receber o PIS/PASEP o trabalhador tem que estar de acordo com algumas exigências governamentais. São elas:

Estar cadastrado no PIS ou PASEP há pelo menos cinco anos.
Ter trabalhado, no mínimo, 30 dias com carteira assinada no último ano.
Seu empregador deve ser contribuinte do PIS/PASEP. Para isso, é necessário que ele tenha um CNPJ ou seja uma instituição pública, como uma prefeitura, e nesse caso o funcionário deve ter cargo efetivo.
Ter recebido, em média, até dois salários mínimos mensais no último ano e no ano anterior.
Ter cadastrado na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do último ano. O empregador é o responsável por colocar o trabalhador nesse cadastro.

Para receber o auxílio, o trabalhador deve ir à uma agência da Caixa Econômica Federal, no caso do PIS, ou ao Banco do Brasil, no caso do PASEP. Caso possua o Cartão do Cidadão e senha cadastrada, o empregado pode sacar o valor em qualquer casa lotérica ou terminal de auto-atendimento da Caixa.

clt

Caso tenha ficado alguma dúvida ou queira ainda ter um atendimento mais completo vá até os atendimentos ou conquiste informações sobre o benefício podem ser obtidas nos postos do Ministério do Trabalho e Emprego, nas agências da Caixa (0800 574 2222) ou no Banco do Brasil (0800 529 5678).

Sobre o emprego via e-social

O eSocial nasceu com a premissa de simplificar, eliminar redundâncias e reduzir os custos de cumprimento. Permite a substituição gradual das obrigações existentes em matéria de relações de trabalho, bem como a padronização da geração de informações. Entre as obrigações que podem ser substituídas o eSocial destacam-se: GFIP, (Documento de Arrecadação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e Informações à previdência Social), RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), DIRF (Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte), CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), Folha de pagamento, Livro de Registro de Empregados, entre outros, com ganho para a administração, empregadores e empregados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *